Ashburn | domingo, 14 de julho de 2024

Homeopatia na Gravidez

Homeopatia na Gravidez

Compartilhe esta matéria

Neste artigo iremos apresentar aspectos importantes sobre o uso da homeopatia na gravidez. Confira!

A homeopatia previne e trata os pequenos desconfortos provocados pela gravidez, além de ser útil no pré-natal, e pode facilitar o restabelecimento pós-parto.

A gravidez é um período de transformação do corpo da mulher como um todo, associada à produção maciça de hormônios indispensáveis ao bom desenvolvimento da gestação.

Além de outras doenças obstétricas, que não serão tratadas aqui – e cuja prevenção exige rigoroso acompanhamento por um médico especialista – a gravidez frequentemente provoca alguns problemas sem gravidade, mas muitas vezes desconfortáveis, que podem ser aliviados com eficiência pela homeopatia. Esta também contribui para um bom pré-natal e facilita o pós-parto e a amamentação.

Tratamento Homeopático para Gestantes

O procedimento do homeopata em relação à mulher grávida é o mesmo que tem para com todos os pacientes: ele aplica um questionário detalhado à pessoa com o objetivo de determinar os sintomas individuais e identificar o medicamento adequado.

A única diferença é que a ênfase recai, especialmente, sobre o conjunto de mudanças sofridas desde o início da gravidez (alterações no comportamento, sensações, desejos, rejeição a certos alimentos, etc.).

  • Durante a gravidez

A homeopatia – que tem a vantagem de não apresentar nenhum risco tóxico para o feto – pode aliviar facilmente vários pequenos distúrbios frequentes, como enjoo, cansaço, dores nas pernas, hemorroidas, prisão de ventre, etc. 

As contrações prematuras também podem ser objeto de tratamento homeopático, paralelamente ao acompanhamento obstétrico, com tratamento alopático.

  • O pré-natal e o trabalho de parto

Um bom acompanhamento durante a gravidez permitirá que a mulher encare o parto de forma tranquila. Do ponto de vista da homeopatia, o ideal é prescrever, preventivamente, o medicamento de fundo da paciente um pouco antes do parto, durante o nascimento do bebê, se for necessário, e no pós-parto.

O medicamento de fundo é o “remédio homeopático da pessoa”, aquele que corresponde à personalidade do paciente. Ele pode mudar, ou não, ao longo dos anos, de acordo com as circunstâncias da vida da pessoa.

  • O pós-parto e a amamentação

A homeopatia pode acompanhar a jovem mãe durante o período, muitas vezes delicado, do pós-parto, auxiliando a superar a depressão passageira que muitas vezes ocorre logo após o nascimento do bebê ou a recuperar o equilíbrio do organismo após o parto. No que se refere à amamentação, há medicamentos que favorecem a produção de leite, enquanto outros podem auxiliar o tratamento de certas ocorrências como rachaduras nos mamilos e dores no afluxo de leite.

  • Cuidados com o bebê que vai nascer

As perturbações emocionais que a mulher grávida enfrenta são sentidas pelo bebê. É possível, portanto, cuidar de um bebê que está para nascer, prescrevendo um medicamento homeopático à mãe. Aliás, quando se trata de um recém-nascido, sempre se pergunta aos pais sobre como se deu a gravidez para identificar o medicamento adequado para a criança.

Atenção: Algumas manifestações que podem ocorrer na gravidez (sangramentos, aumento acelerado de peso, retenção de líquido, dor de cabeça, contrações, etc.) são sinais de problemas graves que podem pôr em risco a vida da criança que está para nascer e, em alguns casos, a da própria mãe. Diante de qualquer manifestação anormal deve-se consultar o obstetra sem demora. Para cuidar de ocorrências graves durante a gravidez, a homeopatia pode ser indicada em associação com o tratamento prescrito pelo ginecologista.

Em caso de dúvidas, entre em contato com sua médica ou médico de confiança.

Referência Bibliográfica: SERVAIS, Dr. Philippe M. (org.). Larousse da Homeopatia. São Paulo: Larousse do Brasil, 2002.

Outras matérias

Matérias

Symphytum – Atletas podem usar homeopatia?

SYMPHYTUM – Atletas podem usar homeopatia? É comum percebermos maior desgaste, contusão e dor em atletas durante competições e treinos pré-campeonatos, e os tipos de

Nos dedicando à Satisfação de nossos Clientes

Nos adaptando às necessidades comerciais do mercado.

CADASTRE - SE E RECEBA NOVIDADES

SIGA INJECTCENTER NAS MÍDIAS